Button vence o imprevisível GP da Hungria em seu 200º GP

Corridaça – pelo menos nos termos de incerteza – a que tivemos agora pouco em Hungaroring. Estratégias acertadas, outras erradas, e a chuva que voltou no meio da corrida fez Este circuito travado proporcionar um palco de muitas ultrapassagens. Mas venceria quem tivesse a melhor estratégia pensada, e, nada melhor do que Jenson para brilhar na ponta, justamente na sua 200ª corrida.

A verdade é que a McLaren acertou na hora de trocar os pneus de Jenson, mas errou nos de Lewis. Ambos tiveram um duelo espetacular – onde um passou o outro duas vezes – lá pela volta 50, e Hamilton viria a parar depois, mas a punição pelo incidente com Di Resta acabou lhe custando o pódio e a vitória.

Button não viria a deixar a liderança depois disso, virando na casa dos 1’25, assim como Vettel. Cerca de 10 voltas para o fim, Alonso começava sua ‘reação’, correndo em 1’24 e tirando um segundo por volta para ambos, mas o tempo já era curto. Não fosse a rodada pouco antes poderia ter chegado.

Mesmo assim, no final, tanto Button como Alonso perderam ritmo – E Vettel ganhou. Tanto que a última volta de Button foi em 1’27, a de Vettel em 1’23 e a de Alonso em 1’29. E a instabilidade nas voltas, uma após outra, foi chave para o desempenho de todos os pilotos e na corrida em si. Cada erro era fatal e Alonso errou várias vezes. Apesar disso, 3º é lucro – Pelo menos terminou por diante de Webber e Hamilton.

Estes dois que travaram um bom duelo na parte final da corrida, com vantagem para Lewis no término. Mark cruzou a linha de chegada 1.4 atrás de Hamilton, e após ter largado 6º, tem lucro matemático. Já Lewis, muito pelo contrário…

Massa, depois de largar em 4º, completou em sexto. Fez uma boa corrida no geral, mas não largou bem, o que representava já uma desvantagem. Em tese, Felipe ganhou uma posição com o abandono de Schumacher, e a sua última ultrapassagem foi sobre Kobayashi, pelo sexto lugar, que estava com macios – em contraste dos supermacios de Massa.

Após a parada do resto Felipe viria a ser 4º, mas foi facilmente deixado para trás por Webber (com ajuda da asa móvel) e depois Hamilton. Exatamente depois disso (volta 59), Felipe faria sua quarta parada e se acomodaria finalmente no 6º lugar.

Mais atrás, já uma volta atrás do vencedor, aparece Di Resta, tornando este belo sétimo lugar o melhor resultado de sua curta carreira de 11 GP’s. Largou em 11º mas contou com a sorte e fez tudo certo – Até protagonizou o curioso incidente com Lewis, mas sem danos. Deu os 6 pontos necessários para que a Force India não fosse ultrapassada pela Toro Rosso no campeonato.

Esta que fez a sua melhor corrida na temporada, ao lado do GP do Canadá (onde Alguersuari foi 8º e Buemi 10º). Hoje a ordem foi invertida, mas Sebastién merece destaque: Largou em penúltimo – ou seja, recuperou 15 posições. Alguersuari também mateve ritmo, mas o equilíbrio entre ambos deve deixar a equipe em dúvida sobre ‘qual escolher’…

Em 9º está Rosberg, que completa a zona de pontos. Largando em sétimo, não conseguiu segurar a Ferrari depois de ter largado bem e pulado até o quarto lugar. Acabou perdendo terreno para Di Resta e Buemi, mas chegando colado em ambos.

Resultado:

Pos No Piloto Equipe Tempo Voltas Grid
1 4 Reino Unido Jenson Button Reino Unido McLaren 01:46:42.337 70 3
2 1 Alemanha Sebastian Vettel Áustria Red Bull +3.5 70 1
3 5 Espanha Fernando Alonso Itália Ferrari +19.8 70 5
4 3 Reino Unido Lewis Hamilton Reino Unido McLaren +48.3 70 2
5 2 Austrália Mark Webber Áustria Red Bull +49.7 70 6
6 6 Brasil Felipe Massa Itália Ferrari +83.1 70 4
7 15 Reino Unido Paul di Resta Índia Force India +1 volta 69 11
8 18 Suíça Sébastien Buemi Itália Toro Rosso +1 volta 69 23
9 8 Alemanha Nico Rosberg Alemanha Mercedes +1 volta 69 7
10 19 Espanha Jaime Alguersuari Itália Toro Rosso +1 volta 69 16
11 16 Japão Kamui Kobayashi Suíça Sauber +1 volta 69 13
12 10 Rússia Vitaly Petrov França Renault +1 volta 69 12
13 11 Brasil Rubens Barrichello Reino Unido Williams +2 voltas 68 15
14 14 Alemanha Adrian Sutil Índia Force India +2 voltas 68 9
15 17 México Sergio Pérez Suíça Sauber +2 voltas 68 10
16 12 Venezuela Pastor Maldonado Reino Unido Williams +2 voltas 68 17
17 24 Alemanha Timo Glock Reino Unido Virgin +4 voltas 66 20
18 22 Austrália Daniel Ricciardo Espanha HRT +4 voltas 66 22
19 25 Bélgica Jérôme D`Ambrosio Reino Unido Virgin +5 voltas 65 24
20 23 Itália Vitantonio Liuzzi Espanha HRT +5 voltas 65 21
NC 20 Finlândia Heikki Kovalainen Reino Unido Lotus Abandono 55 18
NC 7 Alemanha Michael Schumacher Alemanha Mercedes Abandono 26 9
NC 9 Alemanha Nick Heidfeld França Renault Fogo 23 14
NC 21 Itália Jarno Trulli Reino Unido Lotus Abandono 17 19

Campeonato de pilotos:

Pos Piloto Equipe Pts
1 Alemanha Sebastian Vettel Red Bull 234
2 Austrália Mark Webber Red Bull 149
3 Reino Unido Lewis Hamilton McLaren 146
4 Espanha Fernando Alonso Ferrari 145
5 Reino Unido Jenson Button McLaren 134
6 Brasil Felipe Massa Ferrari 70
7 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 48
8 Alemanha Nick Heidfeld Renault 34
9 Rússia Vitaly Petrov Renault 32
10 Alemanha Michael Schumacher Mercedes 32
11 Japão Kamui Kobayashi Sauber 27
12 Alemanha Adrian Sutil Force India 18
13 Suíça Sébastien Buemi Toro Rosso 12
14 Espanha Jaime Alguersuari Toro Rosso 10
15 México Sergio Pérez Sauber 8
16 Reino Unido Paul di Resta Force India 8
17 Brasil Rubens Barrichello Williams 4

Campeonato de construtores:

Pos Equipe Motor Pts
1 Áustria Red Bull Renault 383
2 Reino Unido McLaren Mercedes 280
3 Itália Ferrari Ferrari 215
4 Alemanha Mercedes Mercedes 80
5 França Renault Renault 66
6 Suíça Sauber Ferrari 35
7 Índia Force India Mercedes 26
8 Itália Toro Rosso Ferrari 22
9 Reino Unido Williams Cosworth 4

———————————————————————————————

Estatísticas pós-Hunrgia:

  1. 11ª vitória de Jenson Button (empata com Massa, Barrichello e Jacques Villeneuve)
  2. 200º GP de Jenson Button
  3. 100º GP de Nico Rosberg
  4. 100º GP para a Toro Rosso
  5. Pódio nº 36 para Jenson Button em 200 corridas
  6. Pódio nº 69 para Fernando Alonso em 169 corridas
  7. Pódio nº 29 para Sebastian Vettel em 73 corridas
  8. 14ª volta rápida para Felipe Massa (empatando com Jacky Ickx)
  9. Melhor resultado da carreira para Paul di Resta

———————————————————————————————

Em síntese, uma corrida para nos deixar com mais saudade da F1 durante estas 4 semanas de recesso – até Spa, no final de agosto. Diria que Hungaroring supreendeu, já que aqui dificilmente as corridas tem a ação frenética de hoje. Obviamente a chuva ajudou no espetáculo, mas tudo foi decidido nas estratégias. Sem a quarta parada de Alonso, ele poderia ter vencido – justamente quando colocou macios e chuva voltou.

Vitória merecidíssima de Button, reforçando a sua imagem de piloto cerebral. Triunfo especial também pelo fato de ser a sua 200ª corrida. O ponto negativo é que está 100 pontos atrás de Vettel, restando 9 corridas. Milagres algumas vezes ocorrem, veremos… De qualquer forma, a briga pelo vice está espetacular.

69 pensamentos sobre “Button vence o imprevisível GP da Hungria em seu 200º GP

  1. “CÓPIA” da Mãe do Button (PERPLEXA e com dor de cotovelo), diz:

    – Có Có Có Có Có Có Có… Có Có Có Có Có Có Có… Tenho que parar de lavar roupa pra fora e começar a assistir F1 por completo.
    .
    .
    .
    Telespectador, diz:

    – Ah, se a troca de pneu do Hamilton tivesse sido no carro de Button.😀

    AH, já sei, conspiradores… > O Hamilton escolhe, já Button, não, o patinho feio da equipe é obrigado a escolher o pneu que ela, McLaren, quer.

    Go Go Go, Button! Go Go Go McLaren!

  2. go button até vai, o cara merece, quanto ao parceiro…. tsc tsc… o de sempre – sempre pronto a uma cagada

  3. Boa, Button!

    Dentre as equipes grandes, torço mais pra McLaren, mas tenho de ser realista…

    O Sr. Hamilton, a meu ver, merecia uma punição, pois é inadmissível um piloto voltar como se estivesse sozinho na pista. Parabéns ao di Resta, que soube desviar do “encrenca”.
    (Mas como os comissários não seguem um padrão, está tudo certo)

  4. Parabéns ao Button. O Hamilton e o Webber não tiveram sorte nas suas escolhas de pneus. Não sei se foram eles ou se foram as equipes.

  5. Button = Mais uma vez mostrou que em termos de estratégia ele é o cara , muito concentrado no que faz;

    Vetel= Mais uma vez mostrou que não é o bicho que todos achavam e contou muito com os erros dos outros mais do que com os seus acertos;

    Alonso = esse é o cagão oficial ,errou várias vezes e mesmo assim apareceu lá no podium mais uma vez,

    Hamilton = pilota muito , mais ainda não sabe si controlar à ponto de administra uma liderança sem correr riscos , ele quer andar no limite o tempo todo e por isso erra tanto , gosta de dar show, mais acaba si conplicando uma pena para o campeonato;

    Weber= parece que não si encontrou nesse fim de semana, precisa de férias mesmo, quem sabe quando retornar?

    Massa= mais uma vez atrapalhado pelo transito , perdeu muito tempo atraz do shumi e fora aquela rodada, acho que na tentativa de andar mais que seu conpanheiro ele acaba passando do ponto e errando mais , soube poupar peneus mais do que o Alonso mais não adiantou mais nada, também precisa de férias e de sorte que ultimamente passa longe dele.

    Di Resta
    Buemi
    Rosber
    Alguersuari=esses no final parecia corrida de kart

    Daí por diante foi só cumprir tabela,

    • Aderindo ao ‘modelo Regazzoni’, Willian?

      Rs, brincadeira aparte, concordo em certa parte, apesar de achar que Alonso foi consistente quando teve que ser, e mesmo com os erros chegou em 3º, há de se dizer.

    • Não tirando os meritos do Button, mas o RBR sofre no frio e pista umida, e depois de alguns erros do Vettel alguem deve ter dito a ele: Calma que o segundo ta bom de mais, se não me engano se tiver um só vencedor das proximas 8 corridas e ele chegar me 3º todas ainda leva o caneco.

  6. Se, eu tivesse uma empresa, que rendesse muito dinheiro, eu contrataria o Button para administra-la, é inteligente, sabe o momento certo de realizar sua estratégia, tem sensibilidade para tomar decisões dificieis e quase sempre acerta. Mas, para, que a sorte não nos abandonasse, eu contrataria o Alonso, como Pai de Santo Oficial, assim, ele atrairia sorte, mas poucos amigos, portanto, ficaria confinado a uma sala, sem contato com os clientes. Deixando as metaforas de lado, hoje o Button mostrou, como se corre contra as adversidades de uma pista travada, com chuva e seco, sem perder a sintonia fina, dele com o carro. Button, mais uma vez brilhante, esse é o cara, que se não tem a sorte de alguns, conta com uma inteligencia, acima da média dos pilotos de FI. Só para não dizerem, que não falei do Hamilton, eu o contrataria como “bobo da corte”, só para distrair os clientes, enquanto aguardam, para conversar com o cara, que realmente sabe o que esta fazendo.

    • Newton, não tem nenhum lugarzinho em sua empresa para o Tião?
      Não despreze o alemãozinho assim, ele pode dar lucro a sua empresa, eu tenho certeza…
      rsrsrs…
      Adorei o texto Newton, muito engraçado!

      • Alonso daria uma pernada em ti, espalharia boatos sobre falências e dividas, pegava um aporte de grana com o Santander e tomava empresa baratinho……Depois te ligava dizendo Willian Alonso é mais rapido que vc…entedeu.

      • Já que estão curiosos, para saber, que função daria ao Vettel na minha empresa, acredito, que ele poderia ficar com a Vice-Presidencia, afinal, quando é vice, não causa turbulencia, não almeja ser o Presidente, o que sem duvida não cria problemas na empresa, sacaram. Quanto ao Massa, eu e ele, convidariamos o Crizam, para um racha de Kart, em nosso Kartodromo particular, sabe como é, aproveitando os dividendos, da empresa, tão bem administrada pelo cara. Quanto a segurança, deixo por conta do Koba, segurança samurai, uai.

  7. Corridaça, no molhado. Quando seco, a corrida virou um carrossel.
    Button mereceu. 200 GPs e uma vitória importante pra se manter na briga. Vettel já administra, mas está a 3 GPs sem vitória, tem que se cuidar. Alonso fez o suficiente, não foi espetacular, mas fez o que precisava para com uma bela dose de sorte chegar em 3º. Hamilton merecia ser punido, é verdade, mas correu muito recuperou o tempo perdido, e parece ter destruido aquela imagem que ele tinha no GP de Monaco e do Canadá. Webber não merece comentários, um fim de semana horrível. E Massa anda com muito azar, não fosse o tempo que ficou preso atrás das Mercedes e o erro bobo que cometeu, poderia estar em 3º, pois em praticamente toda a prova andou mais rápido que Alonso.

    • A diferença foi que Alonso se livrou rápido das Mercedes (nem tão rápido quanto ele esperava, mas mais que Massa), aí o braço conta.

      Quanto a Button, é curioso que o piloto vencedor esteja 100 pontos atrás do líder no campeonato. É muita coisa…

      • Tomás, não é isso. O Alonso só ficou atrás do Rosberg, o Massa ficou atrás do Schumacher e do Rosberg, logo na largada. Do Schumacher ele saiu fácil, mas no Rosberg enroscou, como Alonso. Os dois sofreram de forma igual.

      • Alonso passou rápido Schumacher, por isso que eu digo, já Massa não. Mas pelo menos Felipe vem melhorando corrida após corrida, falta sorte.

      • Seria bacana (eu falo porque vejo tudo ‘de fora’, rsrs) que alguém de mais atrás acertasse bastante em certo GP e pulasse pra frente. O interessante é que GP’s assim sempre trazem surpresas, mas quando chegar mais no final, eu esperaria a aposta do rival pra mandar a minha, hehehe…

  8. BUTTON – As broncas de sua mãe contra a equipe deram certo. Além disso, ele é o mais inteligente dos pilotos em atividade, pois sabe como ninguém ler as circunstâncias de uma corrida, fator fundamental em GPs onde o imprevisível acontece. Hoje deu outra aula ao seu colega de equipe e teve muita consistência na parte final da prova, onde teve de usar os pneus duros por quase 30 voltas e mantinha tempos sempre competitivos. Não fossem as cagadas da McLata contra ele e estaria lutando já pelo segundo lugar do campeonato. E tem gente que desmerece o inglês. É piloto de ponta. Nota 10.

    VETELL – Apesar de ser pouco combativo quando as coisas não vão bem, único ponto fraco de sua carreira até aqui, soube lidar com a superioridade da McLaren neste GP, ficou à espreita e quando teve chance até tentou conseguir a vitória, porém, a McLaren era tão superior que ficou impossível. É um piloto que não está desperdiçando as oportunidades de pontuar quando não tem o melhor carro e, me desculpem os corneteiros, faz isto bem melhor do que Alonso, Hamilton, Button e Webber. Ao contrário do que dizem alguns despeitados, os resultados demonstram que ele tem sido de longe o melhor piloto da temporada, pois alia performances contundentes com uma regularidade impressionante, ou seja, quando tem o melhor carro vence, quando não, chega em segundo ou na frente do adversário direto pelo título. Para ele foi um excelente resultado. Nota 09.

    ALONSO – Errou mais do que se esperava, mas, no fim, foi premiado com os erros de Hamilton e Webber, no geral fez um corrida sem nada de especial para um piloto tido como o melhor de todos. Nota 06.

    HAMILTON – Pecou em um ensinamento básico das corridas de F1: Quem está na frente, liderando a corrida, deve ser conservador e não arriscar em estratégias mirabolantes, não tinha nada a ganhar e tudo a perder, foi um erro infantil. Além disso, deu muito azar, pois, quando rodou (e todos os pilotos rodaram na Hungria) ficou em posição bastante desfavorável e por institno colocou em risco outros pilotos sendo penalizado. Nota 05.

    WEBBER – É aquele piloto mediano com lampejos de genialidade, hoje, como na maioria das vezes, o lado mediano prevaleceu. Nota 05.

    MASSA – Também deu muito azar, fez uma boa corrida, até melhor do que alguns adversários mais incenssados, mas, quando errou, comprometeu várias posições e a asa traseira e isso acabou com suas chances. Nota 07.

    DI RESTA E BUEMI – Estiveram bem no final de semana, são pilotos que estão lutando por um lugar ao sol e esta corrida serviu para aumentar as chances de manutenção de seus lugares para o ano que vem.

    ROSBERG – É o Rosberg de sempre, não faz nada de relevante no fim das contas. Nota 05

    O resto é resto.

    • Verdade a mãe do Button veio aí, chingou Deus e todo mundo, fez ameaças de morte com seu rolo de macarrão e deu resultado, cadê a mãe do Vettel nessa p0rr4?? kkkkk

      • Crizan,

        Dona Heike, mama do Seb, disse para ele ficar longe de confusão. Mandou seu garoto só trazer o brinquedinho para casa todas as corridas, ela é uma mamãe sensata.
        Ah! Já ia me esquecendo, foi ela quem obrigou os mecânicos a trabalharem até mais tarde da sexta para o sábado, e surtiu efeito, o menino foi pole… já com relação a corrida, ela está satisfeita. Mesmo em segundo, o tião continua “ganhando” e rumo ao bi.

  9. Cometi um grande erro, diz Hamilton sobre manobra que causou punição

    “Eu cometi um grande erro, meu pneu dianteiro esquerdo estava muito desgastado, então fui um pouco aberto na chicane e rodei, o que é muito, muito raro”
    “Diante disso, eu sinceramente tenho de pedir desculpas a Paul di Resta. Eu não vi ele. Não sei o que aconteceu, mas fui punido por algo, o que, às vezes, é esperado. Então, eu peço desculpas a ele”.

    http://esportes.terra.com.br/automobilismo/formula1/2011/noticias/0,,OI5272564-EI17068,00-Cometi+um+grande+erro+diz+Hamilton+sobre+rodada+que+causou+punicao.html

  10. Eu acho que o Alonso foi criado pela avó , olha a mãe dele deve ter deitado por cima dele quando pequeno aí a avó tomou para criar foi aí que estragou o menino fazendo todos os gostos !

  11. Deusy
    , à cada comentário seu cresce a minha curiosidade e a minha imaginação , afinal são poucas as que entendem a nossa paixão por velocidade e menos ainda as que gostam , acho muito legal , então coloque uma foto sua aí no seu post e vamos eleger a nossa musa do blog, que tal ? rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs

  12. Willian,
    Obrigada pelas boas considerações a respeito da minha participação nos comentários do blog, gosto muito deste espaço. Realmente as mulheres são minoria como espectadores deste esporte. Mas, a presença das garotas está a cada dia mais contundente, a exemplo dos blogs onde muitas escrevem com propriedade e perspicácia a respeito dos assuntos automobilísticos.
    Quanto a este negócio de musa aí… (rsrs)… “Deixa de ideia meu rapaz”! rsrsrsrsrs

  13. Me mandei pro rancho já na quarta-feira exatamente no dia 27/07, o objetivo éra jogar o extresse fora e recarregar as baterias para o dia 02/08(segundona), aqui pelo meu lado tudo prometia, sol durante o dia todo e um friozinho ao cair da noite, fato que resulta em pesca e passeios de Jet durante o dia e umas esticadas de lancha à tarde e moda de viola a noitinha a beira da fogueira e claro degustando aquele peixe oriundo da pescada( confesso que as vezes quando o peixe não vem no anzol, eu os compro na cidadezinha próxima ao rancho) e o melhor são as historias contadas sobre a captura dos mesmos, sempre recheadas de emoções e aventuras que ninguém se atreve a chamar de mentiras, afinal pescador não mente. Na minha lista de materiais que não poderia faltar nessa minha esticada estavam, além de apetrechos para pesca e ferramentas para possiveis manutenções nos motores das embarcações, um receptor de TV e uma TV, todos de reserva,pois caso houvesse algum pane nas que lá se encontravam,eu estava preparado. Na verdade haveria corrida no domingo e a expectativa aumentou e muito com a posição do Massa para a largada já no sábado. Eu adquiri uma Ferrarri para meu filho Lucas assim que o Massa se oficializou na equipe, talvez até movido pela esperança de que iríamos apagar de vez a imagem deixada por Rubinho, e desde então a mesma fica exposta em cima da TV, é bem verdade que ela ta cheia de poeira e esquecida, a equipe da limpeza já ameaçou envia-la para os boxes(leia-se quarto de despejos) várias vezes, mas a mesma ainda permance por lá. Bom o fato é que Domingo chegou, vimos Massa se perder logo na largada, vimos Massa rodar e fazer agumas ultrapassagens, e a imagem que ficou foi a de Hamilton mesmo após sofrer penalização, ultrapassar Massa com tamanha facilidade que o Galvão se limitou a dizer que “Não havia nada a fazer”, e por fim Massa chegando em 6º. Eu vi uma mensagem da torcida para o Massa antes do início da largada que dizia, salvo engano,”bem vindo de volta Massa”, ela se referia ao fato dele largar na frente do espanhol. Puro e ledo engano, a expectativa nao durou nem até a primeira curva. Vamos aguardar a próxima, quem sabe. A verdade é que Massa a cada corrida que termina esta se tonando um Rubinho: cheio de desculpas e blá blá bla , não me surpreenderia se o mesmo virasse um consultor, e nesta previsão, vejo um futuro também negro para nós(telespec) que seria aguentar, além do Galvão, Massa e Rubinho como comentaristas. Grande abraços a todos. Obrigado pelo espaço.

  14. Linda corrida, fora do comum em Hungaroring. Button, como sempre, aproveitando melhor esse tipo de circustancia (chove-para). E para melhorar tudo, foi bem na corrida 200 dele, no mesmo circuito da primeira vitória. Realmente, hoje o que não falta pra ele é fazer a festa. Agora é aguentar 4 semanas sem F1, agente tem que achar o que fazer pra colocar nos blogs hahaha.

    • Só ver quem aí tem PS3 e F1 2010 pra gente comparar uns tempos de volta rsrsrs.

      Aliás, pode-se também falar sobre o F1 2011, divulgar sites do exterior (mais baratos, claro) para que a galera não pague 200 reais aqui no Brasil. Por exemplo, da Inglaterra eu vou pagar uns 100 reais com as taxas, mais ou menos. Enfim, vamos pensar! kkkk

  15. Cadê a p*** da Mãe do Button?😀

    Só vai aparecer quando errarem com o “filhinho, patinho feio da equipe”?

  16. Quando aparecer (SE aparecer), explique algumas coisas…

    Hamilton pode ter problemas com o Kers (Japão 2009), Button, NÃO!
    Hamilton pode ter problemas com o carro (Hungria 2010), Button, NÃO!
    Hamilton pode ter problemas nos boxes (Turquia 2011), Button, NÃO!

    [Aliás, se eu fosse o Alonso, processaria a Renault, tendo em vista a soltura da roda (Hungria 2009), e de quebra, convidaria o Inglês Button como “parceiro de processo”, afinal, SÓ erram com eles]

    * O Kers é obrigado a funcionar, o carro, por sua vez, tem que ser perfeito, e errar nos boxes é proibido.🙂

    OBS: A senhora tem UM mês para arranjar desculpas ao RafaeL McL 2010-11. Sem pressão!😀

  17. Corrida fantástica, com uma merecidissima vitória do Jenson!
    O campeonato está longe de ficar embolado no início da tabela, mas pelo menos está ficando mais interessante!
    Fiquem na paz de Deus!

  18. Button mereceu a vitória, mas preferia que fosse o Hamilton, pois acho que é o único que pode tentar chegar no Vettel.

    Podemos lançar a campanha: “Vettel, abandone uma corrida!” huahuahua!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s