Análise do delicado momento de Hamilton

Não duvido que Hamilton esteja vivenciando um dos piores – senão o pior – momentos da sua carreira na Fórmula 1. Em meio a erros, batidas, punições e obviamente uma grande pressão ao seu redor, Lewis atravessa uma densa neblina que não quer desaparecer, fatos que o estão complicando não só na disputa matemática do campeonato como também na sua briga interna com Button – A vitória de Jenson pesa ainda mais para cravar um diagnóstico.

Está certo que não devemos crucificar Lewis, que é o que toda a imprensa está fazendo neste momento nas linhas dos jornais mais importantes do mundo, ou o que Niki Lauda anda balbuciando por aí para os jornalistas – “Ele está completamente louco!”. Se o momento é delicado, será apenas o apoio da equipe que o ajudará a combater a maré de azar e afobação nas pistas. A batida com Button ontem foi o cúmulo disso.

Pois será esta pausa até Valência que fará, ou pelo menos é o que se espera, Lewis mudar seu ponto de vista em arriscar tudo nas corridas em troca de ser mais cerebral e estratégico, justamente o papel que desempenhou Button neste domingo e que o levou a uma vitória épica e histórica.

Sem dúvida a sorte esteve ao seu lado, mas Hamilton sabe que se tivesse se precavido mais (e isso vale para as batidas em Mônaco também), teria somado mais pontos.

Mas tudo o pior que podia ocorrer está acontecendo. Se Jenson já se aproximava na tabela, agora ele está na frente – Vice-líder, com três pódios consecutivos nas últimas 3 provas e  16 pontos sobre Lewis. Enquanto isso, Hamilton vem de um pobre 6º lugar em Monte Carlo e um abandono prematuro em Montreal, justamente na corrida que ele havia vencido no ano passado de forma brilhante. É esse Hamilton que todos nós queremos ver, e é o que nos dá a certeza de que algo está errado.

Existem muitos fatores que contribuam para a tempestade que Lewis enfrenta. Talvez desde a presença de um novo empresário, o fato de ter um carro inferior ao RB7 em mãos e se sentir impotente em frente a Vettel e Webber, o amplo crescimento de Button nas corridas e até mesmo a pressão da mídia em relação às suas atitudes dentro e fora das pistas.

Ter que pedir desculpas pública depois de vexaminosos comentários sobre os comissários e pilotos também afeta, e a bola de neve cresce a um tamanho considerável.

Tirar toda essa carga em uma só corrida não é uma missão fácil, mas a esperança é que Hamilton amadureça o seu estilo de pilotagem (apesar de muitos sustentarem a tese de que é impossível modificá-lo) e pense mais amplamente no campeonato do que em querer resolver tudo em uma manobra. O seu principal dever será bater Button, que leva vantagem, fato que vimos poucas vezes na convivência dos dois em Woking.

O problema é que boatos sugerem que Lewis possa estar querendo sair da McLaren e respirar novos ares em outra equipe – Obviamente, a Red Bull. O que pode comprovar isso é uma conversa que Hamilton teve no último sábado com Crhistian Horner no Motorhome da Red Bull. Durante breves 15 minutos ambos conversaram – ninguém sabe o que e porque -, mas fontes da própria equipe afirmam que não foi uma “simples visita”.

O que se espalha pelo paddock é que a intenção de Lewis seja migrar para a melhor equipe da atualidade em 2013, na tentativa de ter o melhor carro em suas mãos e poder usufruir do potencial que ele tanto deseja para ser bicampeão. Se a sua estadia na Mclaren está se tornando estressante ou tensionada, isso não sabemos, mas é até certo que uma hora a bolha pode estourar.

A princípio, estar na Red Bull ao lado de Vettel é um dos maiores desafios que qualquer piloto pode ter. Não restam dúvidas da competência fenomenal de Seb e da paixão de toda a equipe por ele. Resta saber se Sebastian aprovaria ter um grande piloto ao seu lado, que já provou ser um tanto polêmico. Se sim, seguramente teríamos uma das melhores duplas do grid.

Mas no momento isso deve ser deixado de lado. Seja uma tática de Lewis para colocar pressão nos rivais ou não, o fato é que ainda falta um grande tempo para 2013 – E este campeonato a cada dia se encaixa no molde de Vettel, 60 pontos na frente do segundo colocado na tabela.

De alguma forma, principalmente nas pistas, Lewis precisará dar a volta por cima. Mas será que ele consegue desta vez?

19 pensamentos sobre “Análise do delicado momento de Hamilton

  1. “Já dizia minha mãe, pau que nasce torto, morre torto”

    Se na Mclaren Hamilton esta tomando “calor” do Button, imagina se pegar Vettel, até quando errou na última volta o alemão corrigiu o carro não jogando a corrida fora. Melhor a RBR ficar só com Vettel, não vai ser fácil achar outro piloto como ele. Hamilton é fera, mas joga muita corrida fora, tem dia que dá show, mas tem dia que faz cada besteira…

    Curioso ver Button vice líder (de novo) após 7 corridas, dando muito trabalho a Hamilton, e já deu seu aviso no Canadá, na pista não vai dar mole! Piloto também tem que se impor na pista, senão o companheiro monta em cima: “Dá licença que o chefe quer passar”.

    Temporada 2010, após 7 corridas:

    1 Webber,93
    2 Button,88
    3 Hamilton,84
    4 Alonso,79
    5 Vettel,78
    6 Kubica,67

    Temporada 2011, após 7 corridas:

    1 Vettel,161
    2 Button,101
    3 Webber,94
    4 Hamilton,85
    5 Alonso,69
    6 Heidfeld,29

  2. O Hamilton, não jogaria seu curriculo no lixo, apenas para deixar a McLaren, disso tenho certeza. Voltou a ser um piloto afobado, que mede mal os espaços da pista, e acaba cometendo erros, que só complicam mais a sua atuação. O Hamilton, neste momento, tem que baixar a bola, fazer umas duas corridas sem correr riscos, e retomar a confiança, essa sim muito importante para um piloto na hora de tomar decisões, que dentro do carro só ele pode tomar. Se decidir baseado nos ultimos resultados, vai errar, mas se decidir, após um pouco de reflexão, pode voltar a fazer grandes manobras, sem bater ou correr riscos desnecessarios. O que fica claro, é que Hamilton acha, que tem obrigação de dar show. Mas, ele não é artista é piloto de FI e é assim, que tem que se comportar, estudar melhor as manobras, e não entrar no risco, que alguns pilotos, que ainda não encontraram seus caminhos podem tentar. O Hamilton, esta precisando é de uma boa conversa, alguém, que mostre para ele, que nem sempre o risco é o melhor caminho, que as vezes é preciso usar mais a inteligencia, que a intuição, entre achar, que vai dar, e ser possivel, a distancia é de apenas um fio de cabelo.

    • … da mesma forma que Webber fez enquanto estava atrás do Schumacher… tinha mais carro, não se afobou e chegou ao pódio. Enquanto isso, Lewis tomava dose cavalares de maracujina na veia para poder dar entrevista sem xingar ninguém, dizendo que foram acidentes de corrida.

  3. É só parar de achar que os outros tem de dar passagem pra ele que tudo se resolve.

    Ih, então não vai se resolver, sempre defendi que Hamilton está mais para Mansell do que para Senna.

    Mas que é muito legal tentar adivinhar em que volta ele vai bater é.

  4. Eu não sei se Hamilton erra tudo isso mesmo, ou parte é só pressão feita em cima dele, por conta do seu histórico.
    Sobre a mudança de equipe pode ser verdade. Tanto que Martin Whtimarsh já o elogiou, acho que para agradar.
    Mas nada vai mudar na Red Bull, Ferrari, Hispania. Vai ser o mesmo piloto rápido, arrojado e afobado.

  5. O Hamilton tem que deixar de lado tudo isso. Ele sabe que é melhor do que quase todos. Só espero que não mude o seu estilo de pilotagem.

    Se ele tivesse feito o que o Button fez, se tivesse dito que não tinha visto, seria massacrado. Teriam pedido para bani-lo da F-1. Genial a fechada que o Schumacher deu no Rubens no ano passado, rs.

    Não acredito que ele deixe a McLaren para correr na Red Bull.

  6. Hamilton é um piloto agressivo, e há 5 anos na F1, não mudará seu estilo de pilotagem. Só irá mudar* se pegar um carro voador.

    * Em um carro bom, não precisará arriscar tanto, assim sendo, errará menos**.
    **Alguém aqui lembra do Vettel em 2010, quando este era o queridinho da equipe, mas estava perdendo para o 2º piloto?! Pois é, a pressão estraga qualquer um.

    Força, Hamilton, você é mais que um ‘piloto assassino’.

  7. Bolão, contagem não oficial, qualquer erro ou dúvida, avisar o Tomás, ajuda na hora de fazer a segunda contagem (mando a primeira para ele conferir). Parabéns a todos no Bolão!

    1. Crizan,261
    2. Vitor Barbosa,256
    3. Geovani Aparecido de Brito,251
    4. Nastassja Almeida Febras,249
    5. Mac,241
    6. Claudio,233
    7. Marcelo Andrade,230
    8. Lucas Ferreira,221
    9. Altair Cordeiro,216
    10. Fernando Barreto,216
    11. Maria C Barbosa De Almeida,208
    12. Hugle,203
    13. Edgard,200
    14. Viktor,198
    15. Juliano,196
    16. Leandro Penaquini,196
    17. David Matheus,195
    18. Elton de Oliveira,193
    19. Alex Bogardden,189
    20. Jocimar,188
    21. André,181
    22. J. Floriano,180
    23. Carlos Roberto,177
    24. Edgas Mutute,169
    25. Vitor Alves,168
    26. Willian Ferreira,165
    27. Rafael 2010-11,162
    28. Roberto Seabra,160
    29. Débora Longen,159
    30. Renato Gouveia,159
    31. Rochester,159
    32. Everton Ferreira,156
    33. Jobson,150
    34. Hudson,143
    35. Lucimara G. Cardoso de Brito,142
    36. Mauricio,141
    37. Dylan Almeida Febras,121
    38. André/Pira,119
    39. Lucas – SJC,116
    40. Raphael Ângelo,115
    41. Domingos Lins,113
    42. Alcides Tavares Araújo,102
    43. Cassius Clay Regazzoni,101
    44. William Cairo M. Pires,99
    45. Will,98
    46. Luiz,97
    47. Leonardo Felix “Latino Heat”,95
    48. Luiz Arthur,94
    49. Newton Velloso,92
    50. Guilherme Rovida,90
    51. Valtinho,90
    52. Vito,89
    53. Paulo Patullo Neto,89
    54. Geraldo Catel Junior,87
    55. Davi Antunes da Costa,85
    56. MCD,81
    57. Léo Henry,78
    58. Leandro Vascon,73
    59. KBK,72
    60. Élton,71
    61. Victor Albergaria,65
    62. Diego Trindade,65
    63. Willian Rochadel,65
    64. Ester,63
    65. Francis Junior,63
    66. Osias Neves Carvalho,60
    67. Lucas Desiderato,56
    68. Jorge Schroter,47
    69. Edson Basilio Ladeira Carvalho,43
    70. Gabriel Pogetti Junqueira,42
    71. Cruz calvario,42
    72. Daniel Machado,38
    73. Vinicius Nogueira de Sena,37
    74. Fábio Carlos,33
    75. Betosimas,30
    76. Marcos Gonçalves,30
    77. Vitor, o de Recife,30
    78. Joao Vitor,28
    79. Carlos Tavares,24
    80. Márcio Almeida,16
    81. Maicon Lira,15
    82. William Richard Dias Rodrigues,15
    83. Marcellopaz,15
    84. Marcelopruss,12
    85. Diego Ribeiro,8
    86. Diego Wendhausen,6
    87. Douglas Caires,5
    88. Marcelo Brum,2
    89. Diego Raphael,0
    90. Ricardo Cesar L Silva,0
    91. Ricardo Rik,0

  8. Já esta mais do que na hora do Hamilton mudar de equipe, chegou no limete , faz parte do jogo e sempre será assim, isso é bom até para os espectadores, e contratos foram feitos para serem quebrados,
    Hamilton saindo da Maclarem abre vaga pro Massa , que ao meu ver seria a melhor opçao no momento. Mais eu queria ver o Hamilton do lado do Alonso na ferrari,

    • rs… Acho que no contrato do Alonso com a Ferrari deve estar estipulado que não é permitida a entrada de Lewis enquanto o espanhol estiver por lá, nos mesmo moldes que Prost fez com Senna.

  9. TÔ bem no bolao hein ? 26º posiçao, e olha que nesse fim de semana eu passei em branco. Mais o importante é que eu estou na frente do sabidão, e muito, aqui também tem rivalidade, essa galera é muito legal , todos contando os dias para a proxima corrida,

  10. Quem dividia curva com o Senna já sabia que ele não iria segurar, já sabia que iria dar m. se insistisse. Tenho a impressão que o Hamilton quer este mesmo “status”, do piloto que não baixa a bola. Tenho certeza que todos terão cada vez mais medo de dividir freadas com Hamilton. Ele está se impondo assim como o Senna fez. É o cara!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s