Testes pré-temporada 2011 – Dia #3

 

A F1 sai de Jerez ainda sem um cenário bem formado sobre como andam as forças até agora- Em três dias, três pilotos e equipes diferentes lideraram as sessões, o que, sem contar, que ainda McLaren não está com o novo carro na pista.

Os tempos, no entanto, são o menos interessante, apesar de que sejam o que mais chamam a atenção, naturalmente. A McLaren já informou que está tentando replicar os níveis de downforce de 2011 no carro antigo, e uma das soluções para este problema de compensar a falta desta pela proibição do difusor duplo.

Em andamento.

  • Resultados:
  1. Robert Kubica (Lotus Renault) 1.13.144 — (96)
  2. Adrian Sutil (Force India) 1.13.201 +0.057 (117)
  3. Jenson Button (McLaren) 1.13.553 +0.409 (105)
  4. Mark Webber (Red Bull) 1.13.936 +0.792 (105)
  5. Felipe Massa (Ferrari) 1.14.017 +0.873 (80 voltas)
  6. Timo Glock (Virgin) 1.14.207 +1.063 (114)
  7. Pastor Maldonado (Williams) 1.14.299 +1.155 (101)
  8. Sergio Perez (Sauber) 1.14.458 +1.314 (104)
  9. Michael Schumacher (Mercedes) 1.14.537 +1.393 (110)
  10. Sebastién Buemi (Toro Rosso) 1.14.801+1.657 (73)
  11. Narain Karthikeyan (Hispania) 1.16.535 +3.391 (63)
  12. Jarno Trulli (Lotus) sem tempo — (35)

——————————————————————–

Preview:

Hoje é o último dia de testes na região de Valência e a vez de Massa e Trulli finalmente tomarem as rédeas dos seus novos carros, enquanto Button irá checar pela última vez o MP4-25 –  já que em Jerez ele e Lewis estarão guiando o novíssimo MP4-26 que será mostrado amanhã em Berlim.

Dependendo do clima, que por sinal anda bastante agradável, será uma sessão mais contundente para as equipes que já tem os novos modelos para trabalhar- depois de algumas se especificarem no KERS, talvez hoje alguma invista em mandar o carro para a pista de tanque vazio, simulando classificação, onde poderemos ver qual será o limite, por enquanto, dos F1 2011.

Apesar disso, gira em torno disto a preocupação com o desgaste mais do que esperado dos pneus Pirelli, classificados de “desastre” e por alguns pilotos que a degradação é altíssima e isso estaria comprometendo o equilíbrio do carro-algo que torna ainda mais difícil a missão de “endireitá-lo” depois que estão sendo testadas as soluções para ganhar a downforce perdida com o proibição do difusor duplo.

Vamos ver o que se diz hoje sobre o assunto e observar os long-runs de alguns pilotos para confirmar esta falta de constância para seguir uma linha de cronometragens baixas e próximas.

Também há uma curiosidade ligada ao MP4-26 que, segundo o confiável Scarbs F1, o projeto não terá o escapamento frontal como a Renault inovou no seu R31, como vemos no tweet acima. É algo para se observar atentamente amanhã e verificar também o fundo duplo.

Ao mesmo tempo, surgiram algumas especulações puxadas pelo insider Will Buxton como, por exemplo, que o FW33 da Williams é um carro fraquísssimo, onde as soluções radicais e o rendimento são péssimos e haverão várias reformulações no projeto daqui em diante. Obviamente, em Grove isso é desmentido, porém veremos o que será feito hoje e se eventualmente os tempos melhoram.

  • Quem corre hoje:
  1. Mark Webber (Red Bull)
  2. Jenson Button (McLaren)
  3. Felipe Massa (Ferrari)
  4. Michael Schumacher (Mercedes)
  5. Robert Kubica (Renault)
  6. Pastor Maldonado (Williams)
  7. Adrian Sutil (Force India)
  8. Sergio Perez (Sauber)
  9. Sebastién Buemi (Toro Rosso)
  10. Jarno Trulli (Lotus)
  11. Narain Karthikeyan (Hispania)
  12. Timo Glock (Virgin)
  • Para acompanhar ao vivo:

F1-Direct

Na sessão de comentários, qualquer notícia, link, foto ou artigo interessante pode ser postada, além da discussão sobre os testes que começam às 6 da manhã (horário de Brasília). Obrigado por tudo até aqui, as discussões estão ótimas e o blog está crescendo como nunca antes. Conto com vocês aqui mais uma vez!

  1. Sebastian Vettel (Red Bull) AM
  2. Mark Webber (Red Bull) PM
  3. Lewis Hamilton (McLaren)
  4. Fernando Alonso (Ferrari)
  5. Nico Rosberg (Mercedes)
  6. Robert Kubica (Renault)
  7. Rubens Barrichello (Williams) AM
  8. Pastor Maldonado (Williams) PM
  9. Paul di Resta (Force India)
  10. Sergio Perez (Sauber)
  11. Sebastien Buemi (Toro Rosso)
  12. Heikki Kovalainen (Lotus)
  13. Narain Karthikeyan (Hispania)
  14. Jerome D’Ambrosio (Virgin)

61 pensamentos sobre “Testes pré-temporada 2011 – Dia #3

    • Acho que Massa fará basicamente o que Alonso fez no dia #1- Reconhecimento dos pneus e adaptação das melhorias, asa móvel e Kers. Mas talvez a Ferrari o mande leve para liderar a sessão, quem sabe.

  1. McLaren no seu reporte de ontem-

    Today saw a continuation of the programme started yesterday by Gary Paffett – namely, gathering data and feedback on Pirelli’s 2011 rubber using a modified MP4-25.

    Lewis said: “It felt great to be back in the car. I haven’t been driving for a while, so it felt good to brush away the cobwebs, and I felt at home straight away.

    Even though we were using the 2010 car, we had quite a productive day. We were trying to replicate 2011 downforce levels on the old car – so it wasn’t 100 per cent accurate – but we still got a good understanding of the new Pirellis and covered quite a lot of ground.

    “The new tyres are easy to get a feel for; there’s not as much grip on the Pirellis as we had last year; they drop off quite a bit, too, and they’re a little bit harder to control over a longer stint – but it’s the same for everybody.”

  2. vejamos o que nossos pilotos brasileiros faram este ano, apesar de não acreditar muito, vamos torcer para que massa possa ter reais chances de lutar por um tão sonhado título, e rubinho possa evoluir com seu carro, deixemos as críticas pra mais tarde, estão na fase de testes. que Deus os abençoe e os faça ser tão bons o quanto dizem que são.

  3. Fala Dona FIA…

    Do Excelente blogue do Mike Vlcek

    …Como sabemos, durante os treinos livres e de classificação, o uso das asas será livre. Para os GPs, porém, há uma série de restrições. Vamos então entender agora como a coisa deve funcionar.
    1 – O piloto que vem atrás só poderá accionar a asa se estiver a menos de 1s (um segundo) de distância do carro que persegue.
    2 – A asa só poderá ser accionada nos últimos 600 metros da recta designada pela FIA em cada pista.
    3 – Para que os pilotos saibam exactamente quando e onde accionar a asa, a FIA pintará linhas no asfalto da seguinte forma:
    3a – Na curva que antecede à recta em questão, duas linhas serão pintadas no chão, marcando a distância de 1s mínima entre os dois carros.
    3b – Na recta, uma linha cruzando a pista mostrará o início da zona de ultrapassagem de 600m.
    4 – As ultrapassagens continuam permitidas em qualquer parte da pista (menos boxes), desde que a asa não seja accionada, logicamente.
    A princípio, a FIA diz que 600m é uma distância que não deve tornar as ultrapassagens fáceis demais. A entidade acredita que esta distância resultará em uma diferença de velocidade final na ordem de 10 a 12 km/h. A conferir.
    A Federação, porém, admite que após as quatro primeiras corridas (Bahrein, Austrália, Malásia e China) poderá rever todo o procedimento se julgar necessário. Nas três primeiras provas, a zona de ultrapassagem será no fim da recta principal. Já na China, será no fim da longa recta oposta.
    Semana que vem, quando a F1 volta a testar em Jerez de la Frontera, serão realizados os primeiros testes. A prova final, porém, será feita no Bahrein, que receberá a última rodada de testes colectivos antes do GP de abertura do Mundial, no princípio de Março.
    E aí? Acharam confuso? Acharam artificial? Eu, como sempre, adopto a cautela. Prefiro ver em acção antes de tecer uma opinião mas, como regra geral, acredito que quanto mais simples as regras, melhor o espectáculo. Por isso, não fiquei muito impressionado com a lambança de linhas não.
    Também acho que os pilotos não ficarão nada satisfeitos em saber que, além de terem de apertar 3129310391 botões diferentes e olhar mais para o volante do que para a pista, agora também terão de ficar de olho em linhas pintadas – sendo que na Austrália e na Malásia, duas das corridas “experimentais”, o sol estará batendo directamente em seus rostos durante boa parte da prova (thanx Bernie Ecclestone). Ai, ai, ai…

    Atentamente,
    Afs.Angola

    • ” Para que os pilotos saibam exactamente quando e onde accionar a asa, a FIA pintará linhas no asfalto da seguinte forma:
      3a – Na curva que antecede à recta em questão, duas linhas serão pintadas no chão, marcando a distância de 1s mínima entre os dois carros.
      3b – Na recta, uma linha cruzando a pista mostrará o início da zona de ultrapassagem de 600m.”

      Eu não sei se isso dará certo…

      • Se está confuso??…bota confuso nisso!!…Como é que o piloto saberá se está ou não a menos de 1S???, andando a 300Km/h, acham mesmo que eles terão tempo de ver estas faixas no chão???…que isso!! O segredo das ultrapassagens sempre esteve em se “pegar o vácuo” do carro que vai a frente!!…e isso não existe mais na F1…é uma pena, ficam inventando artificialidades para ultrapassar!! Imagina o carro que vai a frente, não pode nem pensar em acionar a ATM…palhaçada!!…

  4. A situação do Massa ja não é confortavel, ainda pega fogo na F150. Ele ja iria fazer uma kilometragem inferior a Alonso agora então…

    • Na Mercedes o azarado foi o Rosberg que ficou mais parado do que andou. Mudando de assunto o Hamilton ta dizendo que o MP4/26 esta diferente da maioria dos modelos lançados. Amanhã veremos o que a Mclaren preparou.

  5. Tomas, andei lendo alguns comentarios na internete, que dão conta, que o carro da Willians é uma bagaceira. Sera, que os caras erraram a mão de novo. Se tiver alguma informação confiavel, publique pra galera.

    • Newton, eu já falei disso ontem e publiquei na sessão de comentários, palavras do insider Will Buxton:

      “Sei que é apenas o segundo dia de testes mas estou preocupado com a Williams. Rubens não conseguiu esconder seu desapontamento ontém. Ele falou que grandes mudanças são necessárias.”

  6. Tomas era isso que estava a falar ontem, e o escape, parece ter uma saída muito achatada no soalho, ou então também pode ter uma ideia tipo Renault, não se vê bem!

  7. P Pilotes Equipes Temps Ecarts Trs
    1 Kubica Lotus Renault 1.13.144 — —
    2 Sutil Force India 1.13.201 +-.— —
    3 Button McLaren 1.13.553 +-.— —
    4 Perez Sauber 1.14.458 +-.— —
    5 Maldonado Williams 1.14.299 +-.— —
    6 Schumacher Mercedes 1.14.537 +-.— —
    7 Massa Ferrari 1.14.541 +-.— —
    8 Webber Red Bull 1.14.584 +-.— —
    9 Buemi Toro Rosso 1.15.080 +-.— —
    10 Glock Virgin 1.15.526 +-.— —
    11 Karthikeyan HRT 1.16.997 +-.— —

  8. Eu sou um dos menos afeitos a teorias da conspiração, mas que a Ferrari se esforça para acabar com as chances dos brasileiros logo de início é um fato que está ficando inconstestável.

    Antes era o Barrichello que sempre se dava mal, agora é o pobre Massa.

    Mas antes que alguém venha me criticar ou elogiar, devo deixar claro que não tenho a menor compaixão por nenhum dos dois pilotos citados, pois, além de serem inferiores aos seus respectivos companheiros de equipe (Schumacher e Alonso), eles sempre demonstraram uma enorme satisfação em correr pelos mafiosos italianos.

    Ou seja, quem gosta de ser feito de otário são os próprios pilotos, logicamente, otários super bem remunerados, mas sem dúvida otários.

    Go Vettel, Go RedBull!!! (porque se for depender de pilotos brasileiros, já vi que a coisa desandou há muuuuuito tempo)

      • Pô Tomás, não compare a proteção que a RBR dá ao Vettel com a proteção que a Ferrari dá ao Alonso, são coisas muito diferentes.

        Webber não teve que ceder posição para Vettel e contra esse fato não há argumento.

      • “Webber não teve que ceder posição para Vettel ”

        Isso é o que nos pensamos. O engenheiro de Webber em Istambul não fez o papel de fantoche do Smedley, ele não disse nada. E outra coisa, a personalidade de Webber parece ser bem mais durona e menos amigável do que Felipe.

        Helmut Marko, no dia de Istambul, ficou gritando aos 4 ventos que WEBBER TINHA QUE DEIXAR VETTEL PASSAR. Até Mosley foi a favor!

        Depois um dia que é contra as ordens de equipe. No fundo nos sabemos que ali pesou muito a palavra do engenheiro de Mark e a atitude do próprio Aussie. E eu diria que a relação Vettel-Red Bull é bem mais íntima do que Alonso-Ferrari, já vem de longa data.

    • Talvez sejam os brasileiros citados (sabe-se lá por que motivo) que não tenham capacidade para ser piloto da Ferrari. Pode ser, inclusive, relacionado à carma e essas coisas… Não tem porque uma equipe, num teste, boicotar um de seus pilotos. Ao invés de um boicote a Ferrari poderia simplesmente manda ro Massa embora e, com o salário que paga a ele, contrataria facilmente um piloto de nível superior como Rosberg, Kubica ou Kobayashi. A verdade é que, de fato, os brasileiros são azarados e meio braços duros.

      • “Rosberg, Kubica ou Kobayashi”

        Esses não se sujeitariam a fazer o papel que Barrichello e Massa fazem tão bem para Ferrari…rs…

        “os brasileiros são azarados e meio braços duros”

        Posso até concordar que sejam braço-duro, azarados eu não acredito…

  9. Tempos com 44 minutos restantes:

    1 Kubica Lotus Renault 1.13.144 — —
    2 Sutil Force India 1.13.201 +-.— —
    3 Button McLaren 1.13.553 +-.— —
    4 Perez Sauber 1.14.458 +-.— —
    5 Maldonado Williams 1.14.299 +-.— —
    6 Webber Red Bull 1.14.382 +-.— —
    7 Schumacher Mercedes 1.14.537 +-.— —
    8 Massa Ferrari 1.14.541 +-.— —
    9 Buemi Toro Rosso 1.14.801 +-.— —
    10 Glock Virgin 1.15.526 +-.— —
    11 Karthikeyan HRT 1.16.997 +-.— —

  10. RESULTADOS FINAIS:

    Robert Kubica (Lotus Renault) 1.13.144 — (96)
    Adrian Sutil (Force India) 1.13.201 +0.057 (117)
    Jenson Button (McLaren) 1.13.553 +0.409 (105)
    Mark Webber (Red Bull) 1.13.936 +0.792 (105)
    Felipe Massa (Ferrari) 1.14.017 +0.873 (80 voltas)
    Timo Glock (Virgin) 1.14.207 +1.063 (114)
    Pastor Maldonado (Williams) 1.14.299 +1.155 (101)
    Sergio Perez (Sauber) 1.14.458 +1.314 (104)
    Michael Schumacher (Mercedes) 1.14.537 +1.393 (110)
    Sebastién Buemi (Toro Rosso) 1.14.801+1.657 (73)
    Narain Karthikeyan (Hispania) 1.16.535 +3.391 (63)
    Jarno Trulli (Lotus) sem tempo — (35)

  11. Já começaram a sabotar o Massa. Mas ele ganha bem, né?! Trabalhar para um só piloto é muito melhor do que trabalhar para dois. Se o Massa realmente deseja ser campeão de F-1, tem que sair desta equipe! Pelo menos em outra equipe ele poderia ter o mesmo tratamento do seu companheiro.

  12. Para mim a RED BULL é favorita…
    Um fantástico stint de 20 voltas impressionou a todos no início dos trabalhos. Webber girou entre 1.16,5 e 1.15 baixo! O australiano não fez stints de classificação (3 voltas), obtendo sua melhor marca em saídas para 5 a 7 voltas. A impressão reinante é que o RB7 tem muito mais para mostrar em ritmo de classificação.

    • Eu estou falando faz tempo, de um carro bom para o Kubica e sai da frente, que o cara leva todo mundo no vacuo.

  13. no ultimo dia de treino em valencia a impressao que eu tive é que a ferrari e a rbr deu todo o gas que tinha nos dois primeiros dias e no ultimo usou o tempo para testar suas inovaçoes,enquanto que willians e renault fiserao o contrario esconderam o jogo . e ainda tem muito para melhorar, barrichello de tanque vasio com certeza teria feito tempo na casa dos 13 segundos , massa com dois dias de treino teria batido o tempo de alonso facio , anotem ai kubica é o homen a ser batido em 2011 o cara é fera .quanto ao desgaste dos peneus pirelli é normal , com o aumento do peso dos carros , a ausencia do difusor duplo , os carros escorregam muito mais e aumenta o desgaste de pneus ,vai levar vantagem o piloto que que tem uma conduçao mais suave, isso vai fazer a diferença ate no numero de paradas nos boxes.isso vai proporcionar muitas trocas de posiçoes, nas corridas e poderemos ver equipes medias chegando na frente e mais do que nunca as estratejas vao fazer a diferença

  14. Team Lotus irá treinar sozinha amanhã em Valência.

    JARNO TRULLI: “It has been a very positive first day, despite the fact we deliberately didn’t set any meaningful laptimes as the car is missing a few parts that will be with us tomorrow. Nevertheless, the car feels great – it has good grip and today we were able to concentrate on carrying out work on the systems which we were going to have to do at some point anyway. Now we can concentrate on building up the performance levels tomorrow and in the next tests, so while it’s a shame I couldn’t have a full taste of the car, it was still a very positive first day in the new car.”

    Fonte: http://www.teamlotus.co.uk/News-Item.aspx?itemId=6268

  15. Essa foto do Massa pegando fogo ficou boa, papel de parede.
    E a Lotus Renault hein, liderando, mesmo que não valia nada. Seria muito legal ver uma Lotus vencendo denovo. Mas vamos esperar…

  16. Muito bom a Lotus Renault na frente, mas a impressão que passa após esses dias é que a RBR tem uma carro muito mais rápido que a concorrência. O ritmo de voltas deles mostra isso.

  17. daqui a pouco vai comesar a reclamaçao das outras equipes em relaçao ao escapamento da renault, lembra da braw gp ?todo mundo reclamou e depois copiaram!!! eu quero ver o bruno senna treinando com esse carro , e se ele for melhor que o petrov a equipe vai dar uma chance ao brasileiro durante o ano ? olhando pro carro da renault da pra ver que o projeto é muito bom tem cara de campeao vai ser dificio pra ferrari . o alonso vai continuar atrais do petrov !!!

  18. Treino de Sexta Feira da Lotus.

    @MikeGascoyne : 54 laps done and now changing over to Jarno. Best of 1.15.9 but no setup work done yet and lots to come from the car. Heikki very happy

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s